segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Creme Brulée de Papaya com compota de morango e cassis!!!! Combinação adorável!!!!

                                   

                                       Essa semana tive a visita de um amigo mais que especial, eu diria que é o irmão que a vida me deu, só que ele sempre está "entre mil viagens" e nunca consegue ter um dia certo para "parar um pouco" aqui em São Paulo. Só consegui saber que conseguiríamos jantar juntos no café da manhã. Cozinhar para amigos é duas vezes mais gostoso, queria muito (tempo) fazer um jantar para o meu amigo e a sua esposa (estou super feliz que ele "casou" com uma mulher que eu tenho um carinho especial) mas... nunca conseguíamos (sempre correndo) e acabávamos sempre em cima da hora em algum restaurante... Bom... Dessa vez deu "meio certo"... faltou a minha amiga querida... mas... consegui fazer o jantar!!! Um camarão Thai que considero ser muito saboroso, com arroz tailandês feito no leite de coco !!! E para o final... Uma sobremesa "mega" fantástico para fechar com chave de ouro. Sobremesa "deliciosa e express"... Então vamos a receita.

Ingredientes

para a compota de morango

2 xícaras de morango (pode ser framboesa também)
1 xícara de açúcar
1/2 suco de limão
1/3 de xícara de licor de cassis

Junte todos os ingredientes e leve ao fogo até que as frutas estejam tenras e calda encorpada, diria que uns 15 minutos + ou -

Creme de Papaya

1 1/2 mamão Papaya
3 bolas de sorvete de creme

Bater tudo junto até estar homogêneo

Servir em potes que de cerâmica, colocar a compota de morangos de maneira que cubra o fundo do pote, cobrir com o creme de Papaya , finalizar com açúcar refinado e passar o maçarico. Rápida, prática e com certeza deliciosa, pois vc tem a casquinha do brulée com o gelado do sorvete e a calda no cassis com a textura das frutas, eu diria que é uma explosão de sabores e texturas na boca. Espero que você goste. Beijos e até a próxima.

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Palha italiana de Pistache com cerejas!!!



                                          Essa receita foi feita logo que e me apaixonei pelas pastas italianas, tinha acabado de comprar minha primeira lata de Pistache (AMO).  Ontem uma amiga muito fofa, a Helô falou que queria a receita. Então resolvi resgatar a foto e a receita para colocar aqui no blog. É simples e gostoso de uma maneira diferente, além de ser uma delícia.

Ingredientes

1 lata de leite condensado
100 gramas de creme de leite UHT
1 colher de sopa de manteiga sem sal
1 colher de sopa de glucose branca (opcional)
1/2 xícara de chocolate branco
2 colheres de sopa de pasta de pistache
100 gramas de pistache triturado
manteiga para untar
e açúcar para passar por fora
1/2 pacote de bolacha maria ou maizena
1/2 xícara de cerejas marrasquino

Leve o leite condensado, o creme de leite, a manteiga, a glucose , o chocolate branco e o pistache triturado em uma panela  para o fogo e mexa até chegar na consistência de brigadeiro, quando você começa a ver os veios da massa escorrer e enxerga o fundo da panela. Quando estiver pronto adcione a pasta de pistache e mexa vigorosamente. Vai obter um creme verde maravilhoso.. Acrescente as bolachas picadas grosseiramente e as cerejas. Unte uma forma ou a sua bancada de granito e espalhe essa delicia de maneira uniforme. Deixe esfriar bem para então cortar com uma faca e passar no açúcar para obter mais firmeza.  Fácil e elegante para servir em uma sobremesa ou no chá da tarde. A glucose não é necessária ela só ajuda a não açucarar a massa de brigadeiro, ou seja você poderá comer a prestação se conseguir resistir. Beijos e até a próxima.!!!!!

terça-feira, 8 de outubro de 2013

Aprendendo a fazer geléias, ou gelée como é chamada na frança....

                  Geléias, sou apaixonada desde sempre... tenho recordações da minha infância... observando/vendo minha Avó preparando suas geléias de Damasco, cozinhava por muito tempo em panelas enormes exalando seu perfume por toda a casa. Lembro que esperava a hora que esfriasse (ansiosa) para comer com torradas, simplesmente "Delicious"... risos...
                    A mais ou menos 2 anos... tive a oportunidade de provar uma geléia que abalou cada "neurotransmissor" da minha memória, as geléias da Mathilda... fantásticas!!! Em uma das vezes que fui buscar pães e novidades (adoro "coisinhas" novas) na Bolangerie Marie Madaleine aqui em São Paulo, me deparei com essas geléias translúcidas, maravilhosas em cores vibrantes que fazem vc querer abrir todos os potes para ver se são tão gostosas quanto bonitas. E são!!!! Já comi todos os sabores e adorei, minha filha é fã convicta. Depois disso não conseguia pensar em outra geléia. Então veio a idéia de misturar geléias com bolo, eu gosto... é europeu demais para você?? Experimente e veja que casamento fantástico.....Desde então escrevo para Mathilda geléias pedindo para aprender e cobrando o seu curso... Finalmente veio a oportunidade. A Mathilda resolveu abrir/dar cursos... Mon Dieu...
                      Lá fui... em busca de mais/novos conhecimentos e descobri um mundo encantador... A dona dessa indústria artesanal, sim suas geléias são todas confeccionadas da maneira tradicional, (posso dizer que isso é amor em todas as suas letras). Primeiro partimos para o teórico onde descobri que na França todo mundo "faz" as suas geléias... que são dadas como presente aos amigos mais íntimos. Aí me senti francesa, pois no final do ano passado... "fiz" para dar as minhas amigas queridas, e agora vou poder fazer com a qualidade francesa!!!!! Tive toda a explicação do que é uma gelée e uma confiture, uma gelée (geléia) deve ser tão translúcida que vc consegue ler um jornal através dela, é assim que os franceses definem uma boa gelée...  vc estrai o melhor da fruta "o sumo todo" e vira uma geléia maravilhosa e uma confiture já possui os pedaços da frutas. Aprendi os dois métodos, pois adoro as duas maneiras.
                              Tudo feito de maneira artesanal, existe amor em cada pedaço, acredito que é uma doação, pois sua dona escolhe os melhores ingredientes, e não aceita baixar a qualidade do seu produto. Sua geléia não possui conservantes, nem pectina ...tudo feito da maneira tradicional, que até você pode fazer na sua casa.
Enquanto olhava essa panela borbulhar me sentia uma criança.... Feliz!
Todos os potes são completados com um pedaço de baunilha para dar mais sabor, e acreditem sozinha essa geléia é fantástica, imagina com a baunilha.
Verdadeiro favos de néctar de maça com baunilha e agora eu posso presentar as minhas amigas!!!!!!!
 
Se você ficou "com agua na boca" é quer aprender, como eu quis, procure a Mathilda e agende sua aula, já vou lhe avisando, você vai se encantar e vibrar com suas histórias e com sua origem francesa... não vejo a hora de aprender novos sabores. Beijos e até a próxima.